domingo, 28 de setembro de 2014

COMO NADA NESTE MUNDO DAS NEGOCIAÇÕES É PERFEITO, VAMOS À GREVE!

28.09 - 18.13HS
É assim que funciona em uma campanha salarial de bancários, ora tudo certo, ora nada certo!
Da mesma forma que arrancamos uma nova conversa com os banqueiros, após a divulgação de greve por tempo indeterminado a partir da 00 hora do dia 30 de setembro, as conversas frustraram os bancários que aguardavam um desfecho no mínimo satisfatório.
O que parece possível neste momento é que as cláusulas sociais serão mais bem analisadas pelos banqueiros.
Nesta rodada do dia 27, disseram para nossos negociadores que ficaram decepcionados quando tomaram conhecimento de que a categoria bancária entraria em greve, logo quando achavam que estava tudo correndo bem, com as mesas de negociações!
Ao final do encontro, o movimento sindical fez uma avaliação profunda dos acontecimentos e durante duas horas, várias manifestações foram ouvidas de todo o território nacional, quanto à deflagração da greve.

Agora é concentrar forças em nossas manifestações, pois nenhuma data foi pré-agendada!

ONDE ESTÃO OS 8% QUE TANTOS DISSERAM ESTAR PRONTO PARA SER PAGO?

28.09 - 18.12hs
Está é mais uma provocação feita contra o movimento sindical, quando bancários acreditam nas informações internas, pregada pelos superiores que sabem tudo, dando notícias de qual será o acordo e quando termina a greve, que ainda nem começou.
A provocação maior é com respeito ao índice de 8% que já está reservado para pagamento à categoria bancária, mas ofertado 7,35% para os salários questionamos, porque não ofertaram o que estava reservado?
Temos 8% na mesa é verdade, mas será pago somente para aqueles que iniciarem suas atividades bancárias após este acordo salarial, o que não é o nosso caso.
Então, se existe algo melhor a ser conquistado, vai depender de nosso poder de mobilização, da união da categoria profissional, senão seremos testados pelo quanto podemos ser manipulados, iludidos e humilhados, acreditando em promessas vazias jogadas ao vento para quem quiser acreditar nelas.

De concreto temos 7,35% e não estamos dispostos amargar uma derrota maior do que aquela que nos é imposta todos os dias, com a terceirização de nossos trabalhos, os assédios propositais, os excessos que adoecem e a humilhação de não ter como responder as várias perguntas feitas pelos clientes quando erros são cometidos contra eles e não temos o que fazer!

SE VOCÊ ACREDITA NELES, TEM ALGO ERRADO!

28.09 - 18.10hs
Já fomos mais de um milhão de trabalhadores na categoria bancária;
Hoje somos pouco mais de um milhão de trabalhadores bancários, 400 trabalhando dentro dos bancos e mais de 600 mil em terceirizados que não são representados pela categoria profissional;
Estamos sendo substituídos por maquinas a quase três décadas, por correspondentes a mais de duas décadas, por terceiros e consignados a mais de uma década;
A terceirização de todos os trabalhos no Brasil está preparada através do PL 4330 e do PLS 087, inclusive da atividade-fim (bancos);
As cobranças diárias continuam afastando trabalhadores por doenças ocupacionais e alguns nunca mais voltarão ser os mesmos, permanecendo com sequelas pelo resto da vida;
Os assédios estão destruindo nossa saúde mental e a síndrome do pânico acaba com nossa alta estima;
O individualismo pregado pelas chefias superiores e imediatas isola uns dos outros, o que causa a sensação de impunidade para os agressores e de abandono por parte dos assediados;
As promessas de promoção que na prática aumenta o serviço e a jornada de trabalho remunera muito mal as vítimas deste processo injusto, e demoram ser efetivadas;
As consecutivas ameaças quanto ao seu mau desempenho, fazendo-o acreditar que outros seriam melhores que você;
Será que já consegui provar que a ilusão do sucesso somente afastará você da realidade?
Você tem consciência que seus companheiros de trabalho dependem de sua iniciativa, ou melhor, de sua participação no conjunto da obra, seja ela diária ou no momento de definição de um futuro melhor!

Preste atenção nos sinais que recebe diariamente e identifique qual seu lado verdadeiro e qual é o inimigo!

ATIVIDADES SOCIAIS NÃO SÃO SOMENTE AS FESTIVAS!

28.09 - 18.09hs
Pelas redes sociais vemos vários amigos, conhecidos, famosos ou não, posando para fotos e sempre bem vestidos, com um sorriso largo no rosto demonstrando satisfação e felicidade!
Mas a vida não é feita somente de festas e eventos maravilhosos, existe outro lado que não tem nenhuma graça, mas que sustenta os demais momentos de sua vida e que precisa ser valorizado.
A greve de uma categoria profissional é um destes exemplos e nela, poucos se atrevem sair na foto!
Participar de um momento importante para a categoria profissional não é motivo de vergonha para ninguém, pelo menos no primeiro mundo onde todos conhecem seus direitos.
Em nosso país, que é dominado pelos empresários de todos os tamanhos e poder financeiro, a greve é coisa de “vagabundo” e de quem não tem o que fazer. Porem eles são bastante unidos em seus sindicatos e associações e como dinheiro não é o maior problema, “contratam terceiros” para executar seus pensamentos e atividades contra os trabalhadores. Daí o apoio total a votação do PL 4330 que acabará com todas as categorias profissionais brasileiras, nivelando os salários “por baixo”!

Não tenha vergonha de aparecer na foto de uma manifestação em meio ao dissídio coletivo de sua categoria, isso te dará credibilidade! Isso é profissionalismo, é ter noção de seu próprio valor.

VOCÊ JÁ ANALISOU A REDE SOCIAL!

28.09 - 18.08hs
É lá que vemos estampado o quanto se esforça uma pessoa para aparecer na foto e muito bem vestida!
Nada contra, mas observe, analise em o quanto parece engrandecer alguém.
Não seria só vaidade pessoal?
Participar de uma atividade organizada e que engrandece, para mim se divide em duas realidades:
1-      Aquela que permite seu convívio social e que possa ser suportada pelo próprio esforço e suor, originária de uma profissão bem remunerada e de sucesso;
2-      Aquela que de livre e espontânea vontade serve os necessitados, enfermos, carentes, injustiçados, desorientados, como são conhecidos os voluntários.
Fora isso, eu acredito honestamente que todo o restante é pessoal e vaidoso. Este individualismo tem posto a prova nosso convívio social e quanto mais isolado dos demais, maior a projeção do “ser único”, aquele que não precisa e não depende de ninguém.
Vamos ser claros!
Ser parceiro de trabalho parece vergonhoso para alguns e a primeira oportunidade, abandonam o barco e correm para outras atividades. Nem todos nasceram para ser jogador de futebol de sucesso, alguns iniciam e terminam suas atividades no anonimato e quem diz que são más pessoas por isso!
Existem casos de sucesso extremo, que quando se perde o conjunto, acaba o destaque da equipe, mas antes disso ele já foi valorizado a ponto de sair do país e aí ficamos surpresos ao vê-lo jogando em um time de segunda divisão.

Da mesma forma que sobe, pode descer! E depois, como fica!

AINDA FALANDO NO SOCIAL.....

28.09 - 18.07hs
Tem alguma coisa errada com a humanidade e sei que serei criticado por alguns, mas quero apelar para a compreensão da mensagem e não do que possa aparentar!
É real e está estampado em quase todas as esquinas do Brasil, pelo menos até o próximo dia 5 de outubro.
Comum é ver fotos de candidatos a este ou aquele cargo político, abraçado com animais.
O quase impossível é ver candidato abraçado com seres humanos comuns, não é!
A humanidade está bagunçada ao extremo e nossos valores parecem ter mudado totalmente.
Não sou contra os animais, adoro cachorro, pássaros, peixes, gatos, cavalos, bois e vacas, carneiros e trato bem todos eles, mas acredito que nossa energia deve estar voltada para o ser humano, que é mais fácil ver abandonado nas ruas da cidade, enquanto que a comoção retira os animais deste mundo ingrato onde falta comida, vestimenta e carinho!
Não preciso eleger quem gosta de animais, quero eleger gente que respeita gente e que por consequência não abandona ninguém nas ruas, nem animais!
Não sou perfeito e estou longe disso! Mas sei que não estou errado neste meu pensamento.
Meu respeito para com todos os profissionais, mas como gosto de animais vou usar um ditado apropriado para a matéria: “Cada macaco no seu galho!”

O coração quente tem que ser por gente, em primeiro lugar!

NO DIA 30 DE SETEMBRO A GREVE TEM QUE SER OBJETIVA E FORTE!

28.09 - 18.06hs
Diante de fatos não existe argumentação, somos mal remunerados pelo tanto que produzimos.
Nesta próxima terça-feira, os bancários de todo o País devem cruzar os braços em busca de respeito e dignidade.
Qualquer que sejam as promessas feitas neste ou naquele banco, ficaram barradas nas palavras internas e não se concretizaram nas negociações. Pelo lado sindical todos os esforços foram feitos, quando os banqueiros programaram encontros somente até o dia 4 de setembro.
Com habilidade, provocamos outras datas (10, 11, 16, 17, 19 e 27 de setembro) que resultaram em alguns pequenos avanços e que podem ser melhorados, desde que defendidos por todos nesta campanha salarial.
Quanto maior o envolvimento, menor será o tempo de exposição e se trabalharmos os informes corretos a população, teremos esta força ao nosso lado, a dos clientes!

Vamos lutar juntos para obter bons resultados!